Espanhol castelhano

Se você planeja expandir para mercados na Espanha, é essencial entender o que significa o castelhano ou o espanhol para a Espanha.

Home » Idiomas » Espanhol » Características do espanhol » Espanhol castelhano

Antes de iniciar qualquer projeto de tradução para o espanhol, é extremamente importante entender as diferentes variantes do espanhol usadas no mundo.

 Na verdade, mesmo o significado de certos termos no campo da tradução e dos idiomas mundiais pode variar dependendo do contexto.
Aqui, descrevemos algumas das principais características do castelhano, para que você possa tomar uma decisão bem fundamentada sobre suas necessidades de tradução.

O que é o castelhano?

O termo “castelhano” é normalmente usado para se referir ao espanhol falado na Espanha, também conhecido como “espanhol europeu” ou “espanhol para a Espanha.” O nome refere-se à província histórica de Castela, no centro da Espanha, de onde se diz que o espanhol é originário, e onde o idioma logo foi designado como o padrão ou o espanhol do rei.

Em alguns países, você pode encontrar o termo castellano usado sem distinção com, ou em vez de, español como um nome geral para o idioma espanhol. Ao mesmo tempo, o “castelhano” descreve mais especificamente o dialeto falado no centro e norte da Espanha (às vezes conhecido como “espanhol peninsular”).

Ainda de outro ponto de vista, algumas organizações e indivíduos podem usar o “castelhano” para se referir a uma forma de espanhol “puro” ou ao idioma espanhol no geral, em uma forma compreendida em todos os países que falam espanhol.

Se esse monte de termos parece confuso, aqui está uma visão geral dos tipos de espanhol que o “castelhano” costuma descrever:

  • O padrão do espanhol da região norte-central, diferentemente do espanhol falado em outras regiões, como no sul (andaluz).
  • O idioma comum do Estado espanhol em relação aos outros idiomas co-oficiais encontrados nos vários territórios autônomos (catalão, galego, basco), de acordo com a Real Academia Espanhola (Real Academia Española, ou RAE).
  • Um tipo de espanhol neutro, muitas vezes chamado de espanhol “puro” e mantido pela Real Academia Espanhola.
  • O espanhol da Espanha, diferentemente do espanhol falado nas Américas Central e do Sul.

Como podemos ver nesta lista, é bastante comum que os falantes chamem esse tipo de espanhol de maneiras muito diferentes. No entanto, pode ser mais eficaz pensar em castelhano/espanhol europeu como o “espanhol para a Espanha”, especialmente se sua meta é alcançar possíveis clientes na Espanha.

Você sabia?
Há uma diferença notável entre o espanhol falado na Cidade do México e em Madri.
Você sabia?
O castelhano é o idioma oficial mais falado na Espanha.
Você sabia?
A Real Academia Espanhola foi fundada em 1713 para ajudar a preservar o castelhano.
Você sabia?
O espanhol castelhano evoluiu de um dialeto do latim vulgar falado na Espanha do século XIII.
Você sabia?
Você sabia?

Opções de tradução do espanhol

Como isso afeta seus projetos de tradução? Na Trusted Translations, normalmente recomendamos que suas traduções do espanhol sejam feitas em um espanhol neutro, que seja amplamente compreendido em todos os mercados que falam espanhol. Depois, dependendo das necessidades de cada cliente, também oferecemos traduções do espanhol para o mercado espanhol (da Espanha), bem como para a América Latina, para os Estados Unidos ou para qualquer dialeto local do espanhol latino-americano.

Resumindo, podemos ajudá-lo a entender as sutilezas regionais e linguísticas descritas acima para identificar o tipo, ou tipos, de espanhol perfeitamente adequado(s) às suas metas.

Localização para o castelhano

Se o objetivo principal da sua organização é atingir a população que fala espanhol na Espanha, é fundamental que você leve em consideração localizar seu conteúdo para o castelhano.

Como o castelhano não é igual ao espanhol de outros lugares, a localização é importante mesmo para conteúdos que você já possua em espanhol. Por exemplo, aqui estão apenas alguns dos principais recursos que aparecem no castelhano, mas não em todos os outros tipos de espanhol:

  • O castelhano tem duas opções para o pronome da segunda pessoa do plural, vosotros e ustedes.
  • O castelhano prefere usar o tempo presente perfeito (pretérito perfecto) para se referir a um evento recente, enquanto os falantes da América Latina se inclinam para o passado simples.
  • Os falantes de castelhano tendem a pronunciar as letras z e c (antes de um e ou i) com a língua entre os dentes, semelhante a uma forma do “th” do inglês, diferentemente de outras variações do espanhol. Isso cria o som distinto e às vezes estereotipado como “sigmatismo”, embora esse termo seja considerado uma forma inadequada de caracterizar o que é uma variação linguística única.
  • O espanhol em outros países tem um vocabulário bem diferente do espanhol na Espanha. Sem a localização correta, fica muito fácil criar mal-entendidos não intencionais ou—pior ainda—gerar ofensas sérias.

Também é importante notar que alguns espanhóis consideram o espanhol falado e escrito fora da Espanha uma versão menos “pura” ou menos padrão do espanhol. Trabalhar com tradutores especializados elimina o risco de uma publicidade danosa ou de produzir o que pode ser visto como uma tradução de baixo nível.

A Trusted Translations usa falantes nativos de espanhol da Espanha para editar seu conteúdo em espanhol, para que ele se adapte perfeitamente às tendências e nuances dos mercados locais na Espanha no momento. Com a nossa ajuda, um pequeno investimento na tradução para o castelhano pode fazer toda a diferença e ajudar sua empresa a ter sucesso no mercado espanhol europeu.