BLOG EM OUTROS IDIOMAS

Blog de traducción
Blog di traduzione
Blog de traduction
Übersetzungsblog
Blog de tradução
Vertaal Blog
翻訳ブログ
Блог на тему перевода
翻译博客
مدونة الترجمة
번역 블로그

Acordando para o Vietnã

O que confere ao café do Vietnã esse prazer único? Ele é feito com grãos robusta amendoados, com aproximadamente o dobro de teor de cafeína das bebidas mais leves feitas com arábica . É por isso que ele é uma bebida tão popular entre os profissionais que vivem sob pressão—como os tradutores—que devem estar constantemente atentos a matizes sutis.

Produtor mundial n° 1 de grãos robusta, o Vietnã está em vias de se tornar um importante player no comércio global. Sua pujante economia possui foco nas exportações, incluindo têxteis, móveis e eletrônicos, além de arroz e borracha. O país também está se tornando um alvo para investidores estrangeiros antenados, com os olhos no futuro, particularmente nos setores de tecnologia e turismo.

Mas nada disso é novo: Sua história como potência comercial é bem longa, iniciando séculos atrás. Estrategicamente localizado no entroncamento de importantes rotas marítimas, sua longa faixa costeira fez dele um importante centro de negócios e comércio no sudeste asiático.

Milênios de história vietnamita

A rica história do Vietnã nos leva a um período antes da Idade do Bronze. Conhecido como Annam, o norte do Vietnã foi regido pela Dinastia Han, da China, por mais de 1.000 anos. Esse período foi seguido por duas dinastias locais: Ly (1010-1225) e Tran (1225–1400), entremeadas por três invasões dos mongóis.

Séculos mais tarde, os invasores franceses chegaram em 1858 e ficaram até 1954, não abrindo mão do conjunto de territórios conhecido como Indochina Francesa. Hoje, elas são três nações independentes: Vietnã, Laos e Camboja.

Após a China se tornar comunista em 1949, ela fez pressão pelo controle do norte do Vietnã. Temendo que essa ideologia se espalhasse pelo resto da Ásia, os EUA decidiram apoiar o governo do sul do Vietnã. Esses eventos rapidamente se transformaram em duas décadas de combates generalizados, com a Guerra do Vietnã se encerrando apenas em 1975.

Explorando a culinária e a cultura vietnamitas

Nas últimas décadas, membros da diáspora vietnamita carregaram consigo uma mistura única de sabores doces, azedos, salgados e picantes a restaurantes familiares por todo o mundo. Com eles vieram outras tradições ligadas a música, dança e teatro, além de artesanatos delicados, como as pinturas de flores đồng hoa, tecidos de seda e artigos laqueados.

Naturalmente, a cultura vietnamita é uma rica mistura de sua herança indígena, entrelaçada com tradições chinesas e, mais recentemente, influências francesas e americanas. Elementos importantes incluem festivais e cerimônias tradicionais, como o Tết, o Ano Novo lunar vietnamita.

O culto a ancestrais e o confucionismo também são aspectos importantes das crenças tradicionais. Portanto, qualquer pessoa ansiosa para fazer negócios no Vietnã deve estar sempre consciente da importância de estruturas familiares fortes, respeito pelos mais velhos e obediência aos valores da comunidade.

Cuidado com o tom!

Falado por aproximadamente noventa milhões de pessoas, o vietnamita (também conhecido como Tiếng Việt pelos locais) é um idioma tonal, o que quer dizer que o significado de uma palavra pode mudar, dependendo do tom no qual ela é pronunciada. Escrever em vietnamita é ainda mais desafiador, com versões modificadas do alfabeto latino e da escrita chinesa.

Embora muito influenciada pelo chinês, francês e inglês, toda essa complexidade significa que o vietnamita pode ser um campo minado para os visitantes. É por isso que executivos inteligentes trabalham com tradutores nativos qualificados—como os profissionais da Trusted Translations—que entendem as sutilezas de se comunicar em um idioma tão complexo.

Foto de Rowan Heuvel no Unsplash